Buscar

Sicoob adota ações de uso consciente do cheque especial


A nova regulamentação da Febraban determina novas alternativas para o pagamento do saldo devedor com melhores condições


O Sicoob, maior sistema de cooperativas financeiras do Brasil, mesmo não sendo obrigado a aderir a auto regulação imposta aos bancos em relação ao limite por uso do cheque especial, passará a adotar as medidas por entender que se trata de uma ação de educação financeira.


Na nova regra, que passou a valer no início de julho, as instituições financeiras são obrigadas a alertar seus correntistas quando esses entrarem no cheque especial. Além disso, o normativo prevê que os bancos ofereçam opções personalizadas para quem se endividou no cheque especial, entre elas, o parcelamento do saldo devedor. A ideia é permitir a transferência da dívida para linhas de crédito com juros menores, para facilitar a quitação do débito.


Segundo Angelo Eduardo Glazar Curbani, Superintendência de Soluções Corporativas do Sicoob Confederação, as medidas estão sendo tomadas pelo Sistema mais no sentido de se cumprir o papel do cooperativismo de educar financeiramente e preocupar-se com a saúde financeira de seus cooperados. “Até porque nossa taxa média de cheque especial é cerca de 50% mais baixa do que a dos bancos”, lembra Angelo.


Com essa definição, os cooperados do Sicoob que iniciam a utilização do limite de cheque especial recebem a orientação que estão acessando uma linha de crédito para ser utilizada eventualmente e para emergências.


Saiba mais sobre as novas regras do cheque especial em:

https://chequeespecial.febraban.org.br/


283 visualizações
Siga
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Recentes